Páginas

17 outubro 2014

Resenha: Eu me chamo Antônio

Sinopse: Antônio é personagem de um romance que ainda vai ser escrito. Frequentador assíduo dos bares, ele despeja seus comentários sobre a vida, suas alegrias e tristezas, em frases e desenhos rabiscados em guardanapos com grandes doses de irreverência e pitadas de poesia.
Autor: Pedro Gabriel
Editora: Intrínseca
Total de Páginas: 180



Em outubro de 2012, Pedro Gabriel inaugurou a página EU ME CHAMO ANTÔNIO no Facebook, para compartilhar os desenhos e as frases que rabiscava com caneta hidrográfica em guardanapos nas noites em que batia ponto no Café Lamas, um dos mais tradicionais bares do Rio de Janeiro. Em menos de um ano, conquistou mais de 30.000 seguidores entusiasmados.
Em seu primeiro livro, ele apresenta uma das histórias vividas por seu alter ego em noites regadas a muito chope, desde a cuidadosa aproximação da pessoa desejada, o encantamento e a paixão, até o sofrimento da perda. Mas, como uma noite é sempre diferente da próxima, Antônio ri de si mesmo e sempre parte para outra

Minha opinião

Hoje não tem uma “resenha completa” pois o livro que vim expressar a minha opinião simplesmente não tem história, ele é completo de frases.
Sempre ouvia falar muito desse livro, principalmente em internet, então resolvi pedir de aniversário para minha mãe, quando chegou quase explodi de alegria. O livro é uma fofura, é super rápido de se ler, pois como eu disse ele é completo por frases.
Uma das coisas que eu mais achei legal, foi em uma das primeiras páginas ele explicar o seguinte : “Admito. Às vezes, bebo além da conta e a minha letra acaba perdendo um pouquinho de sobriedade também. Por isso, coloquei no final do livro a legenda de todos os meus escritos.”
Gostei disso porque nas maiorias das páginas eu não entendia nada da escrita, então corria lá nas últimas folhas para ver o que estava escrito, e ria de mim mesmo, pois estava tão fácil mas eu não conseguia.
Antônio faz muitas reflexões sobre o  amor, perdas, então o leitor se identifica bastante com o livro.
Outra coisa que achei bem legal também é o fato dele escrever em guardanapos, o que torna o design do livro mais bonito. E as ilustrações que acompanham as frases são bem legais.

Seleções de frases favoritas

“- Olá, como você se ama?” Página 17
“ Ela é barulho, eu sou silêncio. Mas a gente se ama na mesma frequência” Página 37
“Atropelaram meus sonhos. Alguém anotou a placa da realidade?” Página 92-93

Imagem do Google



Comente com o Facebook:

9 comentários:

  1. Adorei essa indicação, vou tentar encontrar por aqui. Parabéns pelo blog e muito sucesso!

    http://karolbride.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, tenta ver se ainda tem no submarino.
      Obrigada!

      Excluir
  2. Gente, um livro sem história? :O interessante!!
    Amei as frases selecionadas!!!
    Amoooo livros diferentes, já esta na minha lista. Haha
    Super beijo :*

    http://coisas-da-evee.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Nossa, eu to louca por esse livro!! Mas não fica entediante só as frases?
    Beijos!!

    http://blog-chuva-de-chocolate.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depende Byanca, depende do seu gosto, para mim não ficou não!
      Beijos

      Excluir
  4. Ai que legal. Agora fiquei mega curiosa para ler o livro :)
    http://blog-quem-disse.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©